Sinais

Existem diversas coisas sobre as quais não exercemos nenhum controle. Os sinais, marcas ou formas dos nossos corpos são, em regra, um bom exemplo.

Engraçado como eventualmente acabamos por reconhecer os indivíduos justamente por essas características. Por exemplo, uma marca que tenho sobre o lábio; ou os olhos verdes de uma pessoa, ou alguma bolinha perto da orelha direita de outra.

Todas esses pequenos símbolos de uma genética singular são fascinantes e belos por si só, imagine agora reconhecer como todos temos tais características e podemos apreciar essas diferenças no lugar de nos segregar por causa destas.

Eu particularmente gostaria de ter meus dentes num alinhamento perfeito, além de querer melhorar minha postura. Mas sei que até o meu jeito de falar vai mudar quando/se este primeiro acontecer.

Reparar e saber elogiar ou comentar sobre as características alheias é uma coisa muito boa e, na minha opinião, bem importante.

Por exemplo, não existe cabelo ruim; nem todo cabelo precisa ser cacheado perfeitamente; pessoas altas/baixas têm seu charme específico; etc.

Acho que o texto de hoje é uma tentativa bonitinha de dizer que é possível apreciar qualquer coisa nas pessoas e se dar bem com estas. Porque é justamente por conta de toda essa diferença que o mundo consegue ser belo.

Nem tudo precisa ser azul. O roxo e o vermelho também são igualmente belos. Dentre outros.

Autor: Elisnei

Servidor Público. Escritor amador. Curioso e fã de tecnologia.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s